A formação de professores primários e as disputas ideológicas em manuais escolares de Sociologia da Educação (193O-1950)

Elizandra Cristina Rodrigues da Silva, Cristiano das Neves Bodart

Resumo


Este artigo realiza uma pesquisa histórica, exploratória e descritiva na busca por evidenciar de que maneira a Sociologia da Educação, de vertente católica e laica, esteve presente no contexto de formação de professores do ensino primário nos anos de 1930 a 1950 e, consequentemente, influenciando no projeto de Educação para o país. Para tanto, foram realizadas análises de manuais escolares de Sociologia da Educação, currículos escolares e parte da legislação educacional do período de 1930 a 1950. Dentre os achados, destacamos os discursos presentes no interior dos currículos das Escolas Normais e dos cursos de Pedagogia, o que se concretizou por meio dos manuais escolares de Sociologia da Educação, nos quais identifica-se disputas ideológicas de duas intelligentsiada época: intelectuais católicos e intelectuais laicos. 

 

PALAVRAS-CHAVE: Educação. Formação de Professores. Manuais escolares. Sociologia da Educação.

 

ABSTRACT

This paper conducts a historical, exploratory and descriptive research in order to show how the Catholic and secular Sociology of Education was present in the context of the formation of primary school teachers from 1930 to 1950 and, consequently, influencing in the Education for the country project. To this end, analyzes were made of educational sociology textbooks, school curricula and part of the educational legislation from 1930 to 1950. Among the findings, we highlight the speeches present within the curricula of the Normal Schools and the Pedagogy courses. This materialized through the textbooks of Sociology of Education, which identifies the ideological disputes of two intelligentsia of the time: Catholic intellectuals and secular intellectuals.

 

KEYWORDS:Education. Teacher training. School manuals. Sociology of Education.


Palavras-chave


Educação. Formação de Professores. Manuais escolares. Sociologia da Educação.

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, Fernando de; et al. Manifesto dos pioneiros da educação nova. 1932. Disponível em: < http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/me4707.pdf>. Acesso em: 07 de set. de 2019.

AZEVEDO, Fernando. Sociologia educacional. Companhia Editora Nacional, v. 19, São Paulo-SP, 1940.

BRASIL. Diário Oficial da União. Decreto-lei nº 1.190, de 4 de abril de 1939. Dá organização à Faculdade Nacional de Filosofia. Disponível em: < https://www2.camara.leg.br/legin/fed/declei/1930-1939/decreto-lei-1190-4-abril-1939-349241-publicacaooriginal-1-pe.html >. Acesso em: 19 de set. de 2019.

_______. Diário Oficial da União. Seção 1, decreto-lei nº 1.190, de 6 de abril de 1939, p. 7929, 1939.

_______. Congresso Nacional. Lei Nº 4.024, de 20 de dezembro de 1961. Fixa as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: . Acesso em: 18 de novembro de 2019.

CARVALHO, Delgado. Elementos de Sociologia Educacional. Companhia Editora Nacional, São Paulo-SP, 1950.

BITTAR, Marisa; BITTAR, Mariluce. História da Educação no Brasil: a escola pública no processo de democratização da sociedade. Maringá, v. 34, n. 2, p. 157-168, 2012.

BODART, Cristiano das Neves; MARCHIORI, Cassiane da C. Ramos. Fundamentos do ensino de sociologia católica em uma escola normalista pública em 1935. Cadernos Eletrônicos de Ciências Sociais, v.3, n. 2, 2015.

_______. Fragmentos de sociologia pré-acadêmica no ensino normalista de 1935. Em Debate, n. 13, 2015.

_______. SOUZA, Ewerton. Os manuais de sociologia educacional nos anos de 1940: contexto de produção, autores, estruturas didáticas e perspectivas teóricas. Em Tese, Florianópolis, v. 16, n. 01, p. 40-67, jan./jun., 2019.

BRITO, Rosa Mendonça de. Breve Histórico do Curso de Pedagogia no Brasil. In: Dialógica. Revista eletrônica da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Amazonas-FACED, v.1, n.1, 2006.

CALIXTO, Jaqueline Andrade; QUILLICI NETO, Armindo. Theobaldo Miranda Santos e suas Contribuições para a História da Educação Brasileira (1942-1946). Congresso Internacional de História: Novas Epistemes e Narrativas Contemporâneas. 2014. Jataí-GO. Disponível em: http://www.congressohistoriajatai.org/anais2014/Link%20(122).pdf. Acesso em 06 de novembro de 2019.

CAVAZOTTI, M. O manual didático de Sociologia e Sociologia Educacional: instrumento de formação didática do professor (1923-1946). Revista HISTEDBR On-line, v. 1, p. 01-05, 2010.

CIGALES, Marcelo Pinheiro. A sociologia educacional no Brasil (1946-1971): Análise sobre uma instituição de ensino católica. Dissertação (Mestrado em Educação). Programa de Pós-gradução em Educação, Instituto de Ciências Humanas, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2014.

FURLAN, Cacilda Mendes Andrade. História do Curso de Pedagogia no Brasil: 1939-2005. Universidade Estadual de Londrina – UEL, Londrina/PR, 2008. Disponível em:< https://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2008/164_885.pdf>. Acesso em: 09 de setembro de 2019.

GUMIERO, Rafael Gonçalves; ZAMBELO, Aline Vanessa. A educação como eixo da modernização do Brasil nos anos 1930: a disputa entre Nacionalistas, Igreja Católica e Escola Nova. Em Tese (UFSC), v. 14, n. 1, p. 63-81, 2017.

JÚNIOR, Aquiles Archêro. Lições de Sociologia Educacional. Edições e Publicações Brasil, 6ª edição, São Paulo-SP, 1961.

MAGALHÃES, J. Um apontamento para a história do manual escolar entre a produção e a representação. In: R. Vieira de Castro, A. Rodrigues, J. Silva, M. Sousa (org.). Manuais Escolares – Estatuto, Funções, História. Braga: Instituto de Educação e Psicologia Universidade do Minho, p. 279-301, 1999.

MANNHEIM, Karl. Ideologia e Utopia. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1972.

MANNHEIM, Karl. O problema do intelectual. In: FORACCHI, M. (org.) Mannheim. São Paulo: Ética, 1982. (Grandes Cientistas Sociais: 25).

MAZUCATO, Thiago. Ideologia e utopia em karl mannheim. Revista sem Aspas, v. 2, n. 1/2, p. 187-195, 2013. Disponível em: . Acesso em: 19 de novembro de 2019.

NASCIMENTO, L; FAVORETO, A. Émile Durkheim, John Dewey e Antônio Gramsci: em debate a teoria da educação transformadora. Revista Educação em Questão, Natal, v. 56, n. 49, p. 250-273, jul./set. 2018. Disponível em: . Acesso em: 19 de novembro de 2019.

NÓBREGA, P. Escola Normal, Ciência e Nacionalidade na Primeira República. In: SCHEIBE, L.; DAROS, M. D. Formação de professores em Santa Catarina. Florianópolis: NUP/CED, 2002.

OLIVEIRA, Amurabi. Revisitando a história do ensino de Sociologia na Educação Básica. Acta Scientiarum. Education, v. 35, n. 2, p. 179-189, Maringá- PR, 2013.

SANTOS, Theobaldo Miranda. Noções de Sociologia Educacional. Companhia Editora Nacional, 6ª edição, v. 4, São Paulo-SP, 1958.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia e Formação de Professores no Brasil: Vicissitudes dos Dois Últimos Séculos. In: MARSIGLIA, Ana Carolina Galvão (org.). Pedagogia Histórico Crítica. 30 anos. Campinas: Autores Associados, 2011.

SCHWARTZMAN, Simon. BOMENY, Helena M. B. COSTA, Vanda M. R. Tempos de Capanema. Rio de Janeiro: Paz e Terra; São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1984.

SOUZA, Márcia. Anísio teixeira e a educação brasileira: da formação intelectual aos projetos para a escola pública, 1924–64. Tese (doutorado). Programa de pós-graduação em Educação. Universidade Federal de Uberlândia- Minas Gerais, 2018.

VALE, Nayara. Delgado de Carvalho e a História: trajetória e atuação de um “pardal de Clio” no campo intelectual do Rio de Janeiro (1931-1955). ANPUH – XXV SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA – Fortaleza, 2009.

VIDAL, Diana Gonçalves. O exercício disciplinado do olhar: livros, leituras e práticas de formação docente no Instituto de Educação do Distrito Federal (1932-1937). Bragança Paulista, EDUSF, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais - ABECS

Periodicidade: semestral

ISSN 2594-3707


 

 


Idioma: Português

Editor responsável: Cristiano das Neves Bodart

Autor corporativo: Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais (ABECS)

Endereço: Cpo São Cristóvão, 177, UE São Cristóvão CPII, Sala do Departamento de Sociologia, São Cristóvão, Rio de Janeiro, RJ, CEP 20921-440, Brasil
CNPJ: 19.340.922/0001-76

Site da ABECS: www.abecs.com.br
Facebook da ABECS: https://www.facebook.com/abecsnacional/


INDEXADORES