Um estudo etnográfico sobre o percurso escolar do aluno na Escola Normal Estadual Oswaldo Trigueiro de Albuquerque Mello em Alagoa Grande - PB

Helena Clarisse Marques Cruz

Resumo


A escola é o espaço de encontro de aprendizagens e de troca de conhecimentos. É nela que o indivíduo descobre-se igual aos demais, em se tratando de igualdade de direitos, e diferente, quando considera-se sua cultura, seus conceitos, seu credo, entre outros aspectos que os torna singular em uma sociedade tão plural. Através dos conhecimentos adquiridos, o indivíduo capacita-se para entrar no mercado de trabalho e torna-se apto a buscar um futuro melhor para si mesmo e para os seus familiares. Diante do pressuposto, este trabalho mostra a relação existente entre os objetivos esperados pelos alunos que, após concluírem o Ensino Médio ou concluintes deste, retomam os estudos em busca de uma oportunidade de entrada no mercado de trabalho e a realidade a qual eles estão expostos, por meio de um estudo etnográfico que buscou delimitar e investigar o objeto.  Este artigo aponta como referencial teórico os estudos de Meucci (2000) abordando a importância da Sociologia para o entendimento das questões supracitadas, o conceito de etnografia por Geertz (1926) e de que modo a etnografia contribui para dar sentido às ações humanas.

The school is the meeting place for learning and exchange of knowledge. It is in her that the individual finds himself equal to the others, when it comes to equality of rights, and different, when considering its culture, its concepts, its creed, among other aspects that make them unique in such a plural society. Through the acquired knowledge, the individual is able to enter the labor market and becomes apt to seek a better future for himself and his family. Given the assumption, this work shows the relationship between the objectives expected by the students who, after finishing high school or graduating from the latter, resume their studies in search of an opportunity to enter the labor market and the reality to which they are exposed. By means of an ethnographic study that sought to delimit and investigate the object. This paper points to Meucci's (2000) studies on the importance of Sociology for understanding the above issues, the concept of ethnography by Geertz (1926) and how it contributes to making sense of human actions.


Palavras-chave


Ensino de Ciências Sociais

Texto completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS

GEERTZ, Clifford. (1926), A Interpretação das Culturas. Capítulo I - Uma Descrição Densa: Por uma Teoria Interpretativa da Cultura. 1° ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

MALINOWSKI, Bronislaw Kasper. Argonautas do Pacífico Ocidental: um relato do empreendimento e da aventura dos nativos nos arquipélagos da Nova Guiné Melanésia. (Introdução). 3. ed. São Paulo: Abril Cultural, 1984.

MEUCCI, Simone. A institucionalização da sociologia no Brasil: os primeiros manuais e cursos. Dissertação de mestrado, Campinas: Unicamp, 2000. p. 45-129.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Orientações Educacionais Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília: Secretaria de Educação Média e Tecnológica (Semtec/MEC), Ciências humanas e suas tecnologias. Sociologia, 1999. p. 87 - 98.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília: Secretaria de Educação Média e Tecnológica (Semtec/MEC), 1999.

MORAES, Amaury Cesar. (2003), Licenciatura em ciências sociais e ensino de Sociologia: entre o balanço e o relato. São Paulo: [s.n] p. 5-20.

OLIVEIRA, Amurabi. (2013), Algumas pistas (e armadilhas) na utilização da Etnografia na Educação. [S.l.: s.n], 2013. p. 163-183.

RODRIGUES, Alberto Tosi. Sociologia da educação. Capítulo IV: Sociedade, educação e desencantamento. 2º edição. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

SOUSA, Maria das Dores de. A Sociologia no ensino médio: mais de cem anos de luta. [S.l.: s.n.], 19.. . p. 1-9.

VASCONCELOS, Celso dos Santos. Coordenação do trabalho Pedagógico: do projeto político-pedagógico ao cotidiano da sala de aula. 7. ed. São Paulo: Libertad Editora, 2006. p. 213.

VELHO, Gilberto. Individualismo e cultura - Notas para uma Antropologia da Sociedade Contemporânea. Capítulo 9: Observando o Familiar. 2° edição, Rio de Janeiro: ZAHAR, 1987.

WEBER, Max. O conceito de casta. In: IANNI, Octávio (Org.). Teorias da estratificação social: leituras de sociologia. São Paulo: Editora Nacional, 1972. p. 136-163.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais - ABECS

Periodicidade: semestral

ISSN 2594-3707


INDEXAÇÃO

Google Acadêmico

ANPOCS



Idioma: Português

Editor responsável: Cristiano das Neves Bodart

Autor corporativo: Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais (ABECS)

Endereço: Cpo São Cristóvão, 177, UE São Cristóvão CPII, Sala do Departamento de Sociologia, São Cristóvão, Rio de Janeiro, RJ, CEP 20921-440, Brasil
CNPJ: 19.340.922/0001-76

Site da ABECS: www.abecs.com.br
Facebook da ABECS: https://www.facebook.com/abecsnacional/